Blog

Tipos de câncer nos olhos

23/03/2022

O câncer de olho é um grupo relativamente raro de doenças. O câncer pode se desenvolver na superfície, no interior ou nas pálpebras do olho. Os tumores malignos podem se espalhar para outros órgãos do corpo (produzir metástases). Além de causar cegueira, algumas doenças podem levar à morte se não forem tratadas. Quando a malignidade é desenvolvida no início da doença, como as chances de tratamento bem sucedido do câncer de olho aumentam muito. Portanto, desde a infância, é necessário consultar um oftalmologista.

Melanoma Ocular

Este é o tipo mais comum de câncer intraocular em adultos. No Brasil, eventos cerca de 2.00 dessas neoplasias a cada ano. Ou seja, o equivalente a 10 casos por 1 milhão de habitantes. Cabelos ruivos e loiros claros são mais propensos a desenvolver esse tipo de câncer. A visão turva é a principal sintomatologia.

Uma doença geralmente ocorre após 50 anos e pode se manifestar em diferentes partes do olho. ele pode muito grande antes que as pessoas fiquem com o problema. Portanto, é sempre bom consultar um oftalmologista uma vez por ano após os 40 anos. Confira alguns tipos de melanoma ocular:

Melanoma de Coróide

É quando o tumor maligno atinge o interior do olho. É o melanoma mais comum no olho. O tumor é invisível a olho nu, nem mesmo quando o paciente vê no espelho. Para detectar-lo, você precisa fazer um exame de fundo porque as pupilas precisam estar dilatadas. A doença pode surgir de toupeiras, que são manchas que uma pessoa tem na parte de trás do olho.

Como tratar os melanomas de coróide? 

A braquiterapia é um dos tratamentos para melanomas de coróide com espessura inferior a 12 mm e representa cerca de 80% dos tumores ao diagnóstico. O procedimento envolve cirurgia para colocar implantes radioativos na parte externa do olho do paciente. Desta forma, a radiação é liberada e como células cancerosas no olho. A placa radioativa foi feita durante o período do paciente durante os dias que o paciente foi hospitalizado.

O procedimento é eficaz em 95% dos casos e previne a enucleação. Esta forma de tratamento pode prejudicar a visão no olho em que o olho foi implantado, mas pode evitar a perda da visão completa quando o olho deve ser removido.

Como tratar grandes tumores?

Quando um tumor é maior que 12 mm, é considerado grande. Casos, a braquiterapia não é segura e nem eficaz, e o olho deve ser removido, chamado de procedimento de enucleação. Após o período de adaptação, o paciente pode usar a prótese ocular para manter a qualidade de vida. Independentemente da abordagem de tratamento, os oftalmologistas precisam acompanhar os pacientes pelo resto de suas vidas. É necessário solicitar novos exames a cada 6 meses para garantir que o câncer está sob controle.

Melanoma de Conjuntiva

O melanoma conjuntival é um tumor maligno raro que afeta a camada mais externa do olho, chamada conjuntiva. Assim como a melanina da pele, a exposição excessiva ao sol é um fator de risco. A doença geralmente afeta mais os idosos. Os sintomas são manchas marrons (pigmentação) na conjuntiva de um olho, além do crescimento anormal de uma toupeira nessa área.

Como tratar o Melanoma Conjuntiva?

O tratamento é através da cirurgia. Toda a dermatologista foi aceita por um oftalmologista e um patologista. Veja ainda mais células malignas não, pode ser necessário tratamento adicional. Nesse caso, o tratamento precoce é crucial quando o câncer ainda em seus alunos iniciais.

Carcinoma Ocular

É a forma mais comum de câncer de olho, afetando o olho de fora, em sua superfície. Também conhecida como câncer de conjuntiva, a doença pode se manifestar como inflamação localizada ou "manchas", que os pacientes normalmente veem em um espelho. Se não for tratado, pode invadir o olho, perdido de visão.

Como tratar Carcinoma Ocular?

O tratamento é feito com uma pequena cirurgia para remover o tumor do olho. Além disso, são realizados procedimentos para evitar a recorrência da doença. Um deles é o congelamento nas bordas da conjuntiva para destruir células cancerígenas. Dessa forma, algo para o desenvolvimento perdido, será destruído posteriormente, se o câncer for desenvolvido como chances do paciente desenvolver novamente. Colírios de quimioterapia contendo "mitomicina C", "5-FU" ou interferon, que são diferentes tipos de drogas, também podem ser usados. Novos tratamentos a laser para este câncer estão sendo pesquisados.

Retinoblastoma

Este é um câncer de olho infantil. Os tumores malignos aparecem aos 7 anos de idade. Quanto mais cedo o diagnóstico for feito, melhor a chance de curar e salvar a visão.

Essa doença rara, que se desenvolve em 1 entre 15 mil crianças, devido a um problema genético no cromossomo 13. São aproximadamente 300 crianças com esta acontece no Brasil por ano doença.

Olho e pode ser sua criança apresentar a transformação em suas células e pode transmitir a doença a todos os seus filhos. O reflexo de olho de gato (reflexo da pupila branca na foto, ao invés de vermelho) e o estrabismo são alguns dos sintomas desse tipo de câncer ocular.

Como tratar o Retinoblastoma?

Existem várias formas de tratamento do câncer ocular infantil. O oftalmologista vai decidir de acordo com o tamanho do tumor, se está em apenas um olho e a causa da anomalia.

CONTATO

Av. Getúlio Vargas, 15, 7º andar – Bairro Funcionários, Belo Horizonte, MG – Cep: 30112-020


(31) 3283-9592

(31) 3582-3779

(31) 99293-0160

(31) 98339-9146

© Clínica de Olhos Vérdere.